NOTÍCIAS

Exposição ‘Gravura e crítica social’ reúne obras de Lasar Segall, Oswaldo Goeldi e Renina Katz

Publicado em 19/11/2019
Fonte: Carta Campinas

Poderá ser vista até o dia 16 de fevereiro de 2020, no Edifício Pina Luz, da Pinacoteca de São Paulo, a exposição Gravura e crítica social: 1925-1956, uma reunião de gravuras, pertencentes ao acervo da Pinacoteca, em torno do engajamento social. Com curadoria de Valéria Piccoli, curadora-chefe do museu, o conjunto é composto por 67 obras em xilogravura e linoleogravura de autoria de 18 artistas brasileiros como Lívio Abramo, Lasar Segall, Oswaldo Goeldi e Renina Katz.



As décadas de 1930 e 1940 são marcadas, no contexto da arte brasileira, pela emergência das temáticas de cunho social. Isso se manifesta em particular entre os gravadores – e muito particularmente na técnica da xilogravura –, que se reúnem em “clubes” e atuam no sentido de representar trabalhadores em suas mais variadas funções. A Pinacoteca possui um acervo significativo de gravuras desse período e pretende agora apresentar uma seleção representativa acerca do tema.



...

Clique aqui e leia a matéria completa.


Foto: Renina Katz

ARQUIVO DE NOTÍCIAS
voltar
REALIZAÇÃO:
APOIO: